top of page

La máxima história do LaMínima – 25 anos

A companhia completa 25 anos com projetos de espetáculo novo, circulação de repertório, aniversário de espetáculos, publicação e atividades de educação.


Em 30 de agosto de 2022 a companhia LaMínima completou 25 anos de atuação nas artes cênicas, integrando as linguagens do teatro e do circo. A fim de ampliar as possibilidades de interseção de fazeres e proporcionar atividades diversas para o público, a companhia convidou todo o seu público para essa celebração da arte popular brasileira por meio de diversas ações artísticas e de formação.

As comemorações dos 25 anos começaram a ser planejadas em 2020 por meio de elaboração de projetos, contatos com profissionais para desenvolvimento de novas propostas, escolhas do que priorizar e inscrições em vários editais e leis de incentivo. Muitas inscrições... afinal são necessários recursos para viabilizar uma data dessas.

Apesar de todas as escolhas e prioridades no planejamento de projeto, o que se planeja nem sempre é o projeto final por diversos motivos: recursos, cronograma, pedidos e negociações com instituições e pessoas para que todos possam participar de maneira que seja melhor para todos, principalmente para a LaMínima.

Quais projetos efetivamente serão realizados? Entre 2020 e 2021 foram 39 inscrições e projetos elaborados dos quais 07 foram efetivamente patrocinados para execução em 2022. Aqui, um resumo dos projetos e como fizemos essa comemoração de 25 anos. Que venham mais 25!!


Para saber tudo sobre o LaMínima é só acessar: https://www.laminima.com.br/


A Divina Farsa. Foto: Melissa Guimarães

1. La máxima história do LaMínima 25 anos, contemplado pela 37ª edição do edital de Fomento ao Teatro para a cidade de São Paulo. Neste projeto fizemos a montagem do 17º espetáculo da companhia ‘A divina farsa’, cuja estreia ocorreu em 01 de fevereiro de 2023 no Itaú Cultural, uma temporada de 20 apresentações do espetáculo precedidas de 04 ensaios abertos ao público; Mostra gratuita de repertório de espetáculos de sala e rua ainda ativos, sendo: Luna Parke, Rádio Variété, Circo Charanga, A noite dos palhaços mudos, À La Carte e Ordinários, sendo 12 apresentações no total; 08 oficinas abertas para todos os públicos nas quatros zonas da cidade; e 05 encontros abertos sobre os processos de montagem e pesquisa do espetáculo e as práticas de humor realizados também no Itaú Cultural e veiculados online pelo canal do Youtube da companhia.



2. Reprise – 15 anos, contemplado pelo Prêmio Funarte de estímulo ao Circo. O espetáculo mais versátil e do LaMínima completou 15 anos de uma trajetória de centenas de apresentações (Reprise estreou em 03 de março de 2007). Para este projeto, fizemos uma circulação pelas cidades de Cotia e Barueri, região da Grande São Paulo, totalizando 04 apresentações.

LaMínima em Mariana/MG

3. LaMínima 25 anos nas ruas do Brasil, contemplado pela Chamada do Instituto Cultural Vale - Lei de Incentivo à Cultura – Rouanet. O grupo propõe uma itinerância de seus espetáculos de rua (Reprise, Rádio Variété, Circo Charanga e Luna Parke), por cidades da região sudeste do Brasil: Belo Horizonte, Betim, Mariana, Ouro Preto, Vitória, Ibiraçu, João Neiva, Barra do Riacho. O projeto ainda contemplou como contrapartida social a realização de oficinas de "Palhaçaria e Comicidade Física", com duração de 3 horas. Além das atividades presenciais, a companhia realizará, como medida de democratização e ampliação do acesso, a gravação da apresentação dos espetáculos e de uma oficina a serem publicadas na internet de livre acesso.


4. O circo e o palhaço na 2ª infância, circulação do espetáculo REPRISE, patrocinada via recursos da Lei Rouanet. O projeto circulou pelas cidades de Brasília/DF, São Paulo, Cotia/SP e Campinas/SP. Além das apresentações, o projeto ainda contempla como contrapartida social a realização da oficina "Acrobática Pais e Filhos", com duração de 60min. Além das atividades presenciais, a companhia realizará, como medida de democratização e ampliação do acesso, a gravação da apresentação do espetáculo e de uma oficina que serão publicadas na internet e terão livre acesso a todos.

5. Palhaços nas ruas – ônibus LaMínima, contemplado pelo edital Proac Expresso Direto nº 37/2021 Fomento direto a projetos culturais aprovados no Proac Expresso ICMS em 2018 e 2019. O ônibus chega, estaciona, dele saem atores e palhaços e começa uma apresentação gratuita. Neste projeto, realizamos 08 apresentações nas cidades de Barueri, Carapicuíba, Cotia e Embu das Artes. Em cada uma das cidades, contamos com artistas locais para dividir o palco com os artistas da companhia. O grupo LaMínima ministrou também em cada cidade a Oficina Acrobática Pais e Filhos. Uma atividade direcionada para filhos, acompanhados de seus pais (ou um adulto responsável que não seja necessariamente um parente) que tenham em comum o interesse pelas artes circenses e de explorar essa arte como forma de expressão.


6. Mistero Buffo – 10 anos, contemplado pelo edital Proac Expresso nº03/2021 de Teatro / #culturaemcasa (filmagem e licenciamento sem exclusividade de espetáculos para exibição online). O projeto visa o licenciamento do espetáculo Mistero Buffo para veiculação não exclusiva na plataforma #culturaemcasa pelo período de 02 (dois) anos, conforme diretrizes do edital e ainda realizar 01 (uma) exibição online do vídeo documentário Mistero Buffo sobre o processo de montagem do espetáculo, seguida de uma conversa aberta com os integrantes da companhia. Assim, a companhia se renova estimulando a democratização e ampliação do acesso por meio da difusão de conteúdos em diferentes plataformas e formatos de distribuição.


7. La máxima história do LaMínima - 25 anos, contemplado pelo edital Proac Expresso Direto nº 38/2021 Fomento Direto a projetos culturais. Este projeto promoveu circular pela Grande São Paulo como uma mostra gratuita de repertório de espetáculos de sala e rua ainda ativos em nossa trajetória, distribuídas em 20 (vinte) apresentações;


Espetáculos de rua

Luna Parke (2002), criação coletiva e direção de Chacovachi | 03 apresentações;

Reprise (2007), criação coletiva | 04 apresentações;

Rádio Variété (2010), criação coletiva com supervisão artística de Antônio Nóbrega | 03 apresentações;

Circo Charanga (2020), de criação coletiva e direção de Luiz Carlos Vasconcelos | 03 apresentações.


Espetáculos de sala

A noite dos palhaços mudos (2008), roteiro da cartunista Laerte e direção de Alvaro Assad | 02 apresentações;

À La Carte (2001), roteiro de Paulo Rogério Lopes e direção de Leris Colombaioni | 03 apresentações;

Ordinários (2018), texto da companhia LaMínima e Newton Moreno com diração de Alvaro Assad | 02 apresentações.


Além das apresentações, o projeto ainda ofereceu oficinas abertas para todos os públicos sobre entradas clássicas de palhaço e comicidade física, sendo 02 oficinas de cada. Todas as atividades oferecidas gratuitamente.




Commentaires


bottom of page